wrapper


Por Andressa Guimarães

Na primeira quinzena do mês de março, os aprendizes do Programa Educação & Trabalho (PET) tiveram acesso a várias atividades culturais em diversos espaços de Belo Horizonte.
PALÁCIO DA LIBERDADE

Nos dias 11 e 12 de março, cerca de 160 aprendizes participaram de visita guiada no Palácio da Liberdade, integrante do conjunto arquitetônico do Circuito Cultural da Praça da Liberdade. Na ocasião, os jovens percorreram o prédio e os jardins do Palácio, conhecendo sua história e importância no contexto histórico de Minas Gerais.

O Palácio da Liberdade é o principal edifício do conjunto arquitetônico do Circuito Cultural Praça da Liberdade e é uma das edificações mais representativas de Minas Gerais. Além de ter sido, por muitos anos, sede do poder executivo, é um ícone simbólico, arquitetônico e artístico do estado. Através dele muitas histórias sobre Belo Horizonte e Minas Gerais podem ser contadas.

No final do século XIX, a cidade de Belo Horizonte foi planejada para ser a nova capital do Estado. A Praça da Liberdade foi o lugar escolhido para abrigar o centro administrativo e o Palácio foi construído para ser a residência oficial, sede e símbolo do governo do estado no projeto da Nova Capital de Minas Gerais. Ele foi inaugurado em 1898 e, desde então, tem sido palco de importantes acontecimentos políticos que marcaram a história de Minas Gerais e do Brasil.

A arquitetura eclética do Palácio da Liberdade reflete a influência do estilo francês, com requintes de acabamento e riqueza de elementos decorativos. Em seu interior, podem ser vistos os candelabros em bronze dourado, o piso em parquet, seus lustres em cristal, os painéis alegóricos, seus torreões, a beleza da escadaria principal encomendada a uma empresa da Bélgica e o rico mobiliário. Na área externa do Palácio encontram-se os jardins, projetados conforme o estilo inglês e que passaram por reformulações ao longo do tempo, quando foram incluídos elementos decorativos como esculturas e fontes. Os jardins do Palácio, originalmente sem o fechamento com grades, integravam toda a sede do governo à Praça da Liberdade, que por sua vez propiciava a articulação com as secretarias de estado e com a população.


EXPOSIÇÃO VAIVÉM NO CCBB

Nos dias 11 e 12 de janeiro, cerca de 300 aprendizes realizaram atividade cultural no Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB), integrante do Circuito Cultural da Praça da Liberdade. Durante a atividade, os jovens visitaram a Exposição “Vaivém”, com 350 obras que têm a rede como tema principal. A mostra reúne o trabalho de 141 artistas (entre eles, 32 indígenas), desde quadros de Tarsila do Amaral, desenhos de Cândido Portinari ou no cinema, lá está ela: a rede de dormir, representada na mostra que é um convite à desaceleração. A mostra reúne pinturas, esculturas, instalações, performances, fotografias, vídeos, revistas em quadrinhos e documentos, todos relacionados à rede. Esta exposição investiga as origens das redes e suas representações iconográficas. Ao revisitar o passado, é possível compreender como um fazer ancestral criado pelos povos ameríndios foi apropriado pelos europeus e, mais de cinco séculos após a invasão das Américas, ainda ocupa um lugar de destaque na identidade brasileira.

PONTO CULTURAL CDL/BH

No dia 12 de março, 30 aprendizes do Programa Educação & Trabalho (PET) visitaram o Ponto Cultural da CDL/BH, espaço expositivo que trata das relações entre Belo Horizonte e o setor do comércio sob várias perspectivas. O Ponto Cultural apresenta a história da capital mineira, desde sua fundação até os dias atuais, as experiências e a sinergia entre comércio e o turismo, suas relações construídas ao longo do tempo e os aspectos culturais da cidade.

Para mais informações sobre o Ponto Cultural da CDL/BH, acesse: https://pontoculturalcdl.cdlbh.com.br/
Last modified on Terça, 31 Março 2020

Conheça a Fundação CDL

A História da Fundação CDL Pró-Criança começou em 1986, com a iniciativa de empresários do comércio, ligados à CDL/BH que resolveram se mobilizar em torno dos problemas que afetavam a vida das crianças de Belo Horizonte.

A entidade cumpre sua missão de levar igualdade de oportunidades às pessoas e contribuir para a construção de um futuro melhor, fortalecendo e exercendo a cidadania.

FCDL News

Dê a um jovem o seu primeiro emprego!
15, 16 e 17 de setembro, a partir das 9 horas
Contrate estagiários por intermédio da Fundação ...