wrapper

Por Andressa Guimarães

No dia 26 de abril, 52 aprendizes do Módulo Introdutório (turma manhã) do Programa Educação & Trabalho (PET) participaram do Workshop: Gestão do Conhecimento. O evento, realizado no Centro de Desenvolvimento Social, contou as palestras do ganhador do Prêmio Bom Exemplo 2018 (da Rede Globo), Ivan Cândido, e do pós-doutor em Relações Internacionais e professor do curso de doutorado em direito da Escola Superior Dom Helder Câmara, Pedro Mattos, africano do país de Cabo Verde. O objetivo da atividade foi proporcionar aos jovens que estão ingressando no mercado profissional uma visão ampliada de diferentes trajetórias profissionais e do quanto a persistência e a superação de obstáculos são essenciais nessa jornada.
O ganhador do Prêmio Bom Exemplo, Ivan Cândido, contou aos jovens sua história de vida de superação. Ele conta que perdeu a mãe aos 5 anos e o pai era alcoólatra. Ele teve que parar de estudar cedo, para encontrar uma forma de ganhar dinheiro. Assim, com mais ou menos 10 anos, ele e o irmão queriam comprar refrigerante e, para ganhar dinheiro, pediram para trabalhar na padaria vendendo pão de queijo na rua, em Montes Claros (MG). Depois disso, foi a primeira vez que compraram refrigerante e sentiram uma enorme satisfação por poderem adquirir algo que tanto queriam com o próprio dinheiro. Posteriormente, eles desejaram conseguir um dia pagar um almoço em restaurante e continuaram trabalhando até terem dinheiro para poder pagá-lo. Com o tempo, outros trabalhos vieram, ele foi engraxate e depois garimpeiro em Diamantina, até que um dia uma tia o convidou para trabalhar no salão de beleza dela. Foi aí que ele se encontrou na vida profissional e começou a se dedicar com afinco e estudar tudo que podia para essa profissão. Hoje, com 32 anos de carreira, já participou de inúmeros concursos, desafios, etc., e conquistou mais de 50 troféus. Atualmente, além de possuir seu próprio salão de beleza no bairro Nova Suíssa, em Belo Horizonte (MG), ele atende diversos artistas e pessoas famosas, como a Miss Brasil Natália Guimarães e o jornalista Carlos Viana, e já participou de diversos programas de televisão de apresentadores como Faustão, Serginho Groisman, Eliana, Sabrina Sato, etc. Ivan ainda criou e patenteou novos produtos para o mercado da beleza, como uma luva que escova o cabelo e um pente com corte, além de ter desenvolvido novas técnicas de corte com 10 tesouras simultaneamente e com outros materiais como estilete, bisturi e até vidro. E, além de ter construído essa carreira bem-sucedida, Ivan ainda realiza projetos sociais dentro de sua área de especialização. Um desses projetos é o atendimento gratuito, a cada 15 dias, a pessoas em situação de rua, que têm um dia de acolhimento no salão, onde podem tomar banho, ganhar lanche e cortar o cabelo; e também, às quintas-feiras, o atendimento gratuito a idosos de baixa renda, com lavagem, tratamento e corte dos cabelos, ação que lhe rendeu o Prêmio Bom Exemplo no ano passado. Para concluir, Ivan deixa aos jovens uma mensagem final de incentivo: “estude com foco e não desista. Antes de provar para os outros, prove para si mesmo que você é capaz, pois os outros não importam. Somente você é capaz de traçar seu próprio destino e realizar seus próprios sonhos, ninguém mais”, conclui.

O africano pós-doutor em Relações Internacionais e atual professor das turmas de doutorado da Escola Superior Dom Helder, Pedro Matos, também contou sua história de vida aos aprendizes. Ele começa sua narrativa contando que o pai dele não sabia ler e escrever, sabia apenas assinar o próprio nome, mas que tinha um sonho: ter um filho “doutor”. Então, sua vida toda ele quis estudar para ser doutor, pois o que ele mais queria era dar ao pai a satisfação de ter esse sonho concretizado. Assim, ele saiu de seu país, Cabo Verde, na África, para realizar, com uma bolsa de estudos, o curso de graduação em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerias, o qual foi concluído em 2010. Quando concluiu o curso, ele escreveu um livro e retornou para seu país para publicá-lo. O lançamento do livro foi o acontecimento em sua cidade, as pessoas alugaram carros para ir ao evento de lançamento, emissoras de rádio e televisão cobriram o evento, foi algo de destaque para a sociedade local. Posteriormente, ele retornou ao Brasil para fazer o mestrado e, quando concluiu e retornou ao seu país, ele conta que muitas pessoas sequer sabiam o que era “mestrado”. Posteriormente, ele ganhou uma bolsa para o doutorado e, quando o concluiu, ele concretizou a realização do pai de ter um filho “doutor” em uma família na qual nenhum outro membro tinha sequer curso superior. Ainda não satisfeito com os níveis acadêmicos já alcançados, ele cursou o pós-dourado, também como bolsista, na Escola Superior Dom Helder, onde hoje é professor. E, assim, a mensagem que ele deixa é que “o estudo é a base da vida de cada um e de toda a sociedade. Estudem, se dediquem verdadeiramente aos estudos, que as conquistas e recompensas vêm, como consequência”.

Além disso, um grupo de aprendizes apresentou aos palestrantes e demais membros da turma o jogo “Efetivados”, criado pelos próprios aprendizes, numa releitura do jogo “Detetive”, da marca Estrela. A ideia do jogo foi apresentar as competências necessárias para entrar no mercado de trabalho, mostrando características positivas e negativas de cada profissional, pois não existe uma pessoa perfeita para a empresa, além de destacar a importância de cada um entender qual o seu perfil profissional e buscar uma empresa na qual esse perfil se encaixe melhor.
Last modified on Quinta, 02 Maio 2019

Conheça a Fundação CDL

A História da Fundação CDL Pró-Criança começou em 1986, com a iniciativa de empresários do comércio, ligados à CDL/BH que resolveram se mobilizar em torno dos problemas que afetavam a vida das crianças de Belo Horizonte.

A entidade cumpre sua missão de levar igualdade de oportunidades às pessoas e contribuir para a construção de um futuro melhor, fortalecendo e exercendo a cidadania.

FCDL News

Dê a um jovem o seu primeiro emprego!
15, 16 e 17 de setembro, a partir das 9 horas
Contrate estagiários por intermédio da Fundação ...